Caro leitor, divido com você essa experiência singular, que me foi dada como prova real de que acaso não existe (comigo!), caso você acredite nele é opcional.

Das diversas surpresas separadas da vida para mim, saliento esta, ocorrida em meados de setembro de 2017, nas minhas férias, quando viajei para Recife-PE, a propósito que lugar ESTUPENDO, mas isso é história para depois.. O assunto agora é outro.

Pois bem, após um lindo dia de tour pela cidade que não era RJ mas completamente maravilhosa, exaustivo, mas muitíssimo prazeroso. Lá estava eu em um supermercado do bairro em que eu estava hospedado, numa fila quilométrica desses caixas 24h sabe?!... Todos bem ansiosos e correndo contra o tempo, exceto uma senhorinha, percebi uma longa demora dela na utilização em um dos dois caixas disponíveis, fiquei inquieto, curioso. O tempo passou, todos que estavam à minha frente utilizaram e finalmente chegou minha vez. Eu depois de tanto olhar e fazer deduções do problema da senhorinha, pensei em oferecer auxílio ou “curiar” a dificuldade dela. Nos olhamos, e ela então me pediu ajuda com os olhos, logo me ofereci. Questionei o porquê dela não estar conseguindo fazer o que veio no intuito. Ela então me disse que seria um boleto, até aí eu nem sabia que boleto era. Peguei o telefone celular dela, abri a caixa de SMS e pimba! Três mensagens “SISTEL INFORMA, O PAGAMENTO DO SEU BOLETO”... Não acreditei! Que incrível! Entre tantas senhorinhas eu fui presenteado com o dom de poder ajudar uma assistida da gente, singular… Conversamos rapidamente e dei as “coordenadas” para ela conseguir pagar e não ficar inadimplente (essa parte não foi dita).

A vida tem dessas, nos prepara situações, nos dá experiências únicas, possivelmente no intuito de nos provar que as coisas são sim propositais, escolhidas a dedo para cada um de nós.

Eu não acredito em acaso!
E você?!

--
Escrito por Jonathas Miranda da Silva