Logomarca da Sistel
DRAMA Icone
  • +
    31.10.2017

    Não era pra ser

    O tal do “não era pra ser” sempre nos persegue, não é? Primeiro a gente se encontra, depois se apaixona e por fim, o “não era pra ser” estraga tudo e nos faz voltar a estaca zero de novo. Essa frase já me deixou nervosa demais, triste demais, encucada demais. Você sempre a usou pra […]

  • +
    30.10.2017

    Ele queria me dizer “não”

    Porto de galinhas, Praia dos Carneiros, Maragogi, Cabo de Santo Agostinho e um Recife inteiro para viver apenas quatro dias ao teu lado. Fomos bem no primeiro dia. Me disseram que Olinda não valia a pena, mas ao teu lado valeu. Disseram que a praia de Boa Viagem era coberta de tubarões, mas ao teu […]

  • +
    25.10.2017

    Um sonho de Natal

    Mariana era uma menina linda, cabelo longo, cacheado e loiro, olhos castanhos claros, pele muito alva. Parecia ter saído de um quadro de pintura, tamanha era a sua beleza. Uma criança encantadora, sonhadora e de uma personalidade muito marcante, apesar de sua pouca idade. Filha única, aos cinco anos perdeu o pai, vítima de febre […]

  • +
    25.10.2017

    Eras, e me deixou

    Estávamos atravessando o Central Park quando ele sentiu-se mal. O pessoal da excursão aglomerou-se ao nosso redor e num piscar de olhos uma ambulância rompia o trânsito aos berros. Logo estávamos em um hospital e o que nós tentávamos descobrir há tanto tempo e não conseguíamos foi diagnosticado em minutos. Ele estava com um nódulo […]

  • +
    18.10.2017

    Anos de lutas e vitórias

    Quando minha família veio para Brasília na década de 1950, primeiro veio meu marido, Anastácio. Ele não gostou muito, mas insisti e pedi que ele viesse e porque eu queria vir morar nesta nova capital. Senti um chamado para morar lá. Então, ele veio para ajeitar um lugar para nós, tivemos um desencontro e eu […]

  • +
    02.10.2017

    Preservar é preciso

    A Criança que fui Não sou mais Essa doce criança, embalada na ilusão, Deixei para traz. Assim, via a vida Sempre emoldurada. Ao simples abrir de minha janela, Ali estava ela, formosa e muito bela. Tal qual, um bem produzido poema Sempre inspirado pelo tema E ornado com delicadas rosas Decantado em versos e prosas. […]

  • +
    02.10.2017

    À cerca de mim

    Caríssimos leitores, permitam-me a liberdade de falar de mim quando mergulhei n’alma de alguém que havia perdido um grande e tão sonhado amor. Acerca de mim Autor: Djalma Jaime Portela Sou como um cálice de cristal, Próprio para um raro bom vinho, Que aquece, Agrada, mas também embriaga! Seu líquido precioso! Perdeu-se… Quando o cálice […]

  • +
    20.09.2017

    Por que será que só você não vê?

    Por que será que só você não vê O meu sofrimento, a minha dor de amar? Por que será que você não me olha No momento exato que tem pra me olhar? Tudo que eu quero de você é tão pouco Mas você parece não me entender Faz um jogo duro até me vira as […]

  • +
    20.09.2017

    Andei por entre montanhas

    Andei por entre montanhas, E por vales também caminhei, Frio intenso, havia momentos alternados de sol escaldante, E na tipologia de um deserto, solidão eu enfrentei. Sempre a procura de um amor, Sem abas nem beiras, sem máculas, Que me fosse puro, fiel, verdadeiro, sem fronteiras, Chorar! Confesso que chorei, sorri, nem sei… Foi quando […]

  • +
    11.09.2017

    Esta notícia é história real

    Linda menina Entre becos e vielas Nascida na favela Hoje se faz mulher. De pé no chão, Vestido remendado, Conviveu com preconceito E problema social… Papai noel Conhecia só de nome, A vida inteira, Uma cena natural. Olhos cheio de esperanças, Mulher feita ao mundo se lança. Dotada com meiguice, Herança da meninice. Agora… Cobiçada […]

  • +
    01.09.2017

    Sistel em cordel

    Caros leitores, permitam Que eu relate a minha história, Feita de fatos reais, Que guardo bem na memória. Como gosto de Cordel, Em versos canto a SISTEL Numa bela trajetória! Há quarenta e tantos anos A coisa era diferente, Pelo menos na política, O Brasil de antigamente, Sem querer polemizar, Menciono um militar Que respeitava […]

  • +
    31.08.2017

    Pelos olhos da paixão

    A lágrima que rola em meu rosto É o preço pago pelo desgosto. Quando iludida me entreguei, E em teus braços, te amei. Coração terra enganosa, Pelos olhos da paixão, Avistei o paraíso! Vi encantos, somente rosas! Visões oasianas. Tudo isso! Tão somente prosas Mas como em um manso ribeiro Mergulhaste, revestido de prazer, Impregnada, […]

  • +
    22.08.2017

    Homenagem a Madureira

    Gostaria de poder contribuir fazendo uma singela homenagem ao bairro do Rio de Janeiro onde nasci. Hoje em função do progresso, esse bairro e todo entorno onde estava localizada minha saudosa casa só existe aqui neste poema. Por isso, Madureira, reviva aqui! Madureira, Oh! Madureira, berço amado, Em teu regaço, fui amparado, Embalou-me com cuidado, […]

  • +
    29.05.2017

    Ratos, moscas, morcegos, políticos e outros bichos escrotos

    A minha infância foi vivida na Rua Mariano Procópio, Bairro Alto da Fábrica, em Barbacena, onde nasci e me criei. Nossa casa, nº 161, ficava no centro de um terreno grande. Atrás dela tinha abacateiro, amoreiras que junto aos espinhos do ora-pro-nóbis formavam uma cerca viva, pessegueiro, bananeira, mamoeiro, laranjeira e uma ameixeira que era […]

  • +
    29.05.2017

    O segredo contra a tristeza

    Uma historinha com fantoches que fala sobre a tristeza que algumas crianças sentem: a falta dos pais, a cor da pele, o cabelo que é diferente, não ser convidado para uma festinha de aniversário. Eu vou criando a historinha no momento, olhando para as crianças e pesquisando algumas situações. A Emília, que é uma boneca […]

  • +
    29.05.2017

    Sócrates e a fofoca

    Nos idos anos 2003, participei em Ubá de uma coletiva do renomado escritor Affonso Romano de Sant`Anna. Ele estava lançando na época o seu livro intitulado A sedução da Palavra. Foi um momento especial na minha vida acadêmica. Inteligente, talentoso e simpático, ele não fugiu de nenhuma pergunta. Após a coletiva, conversamos sobre a coincidência […]

  • +
    26.05.2017

    Um dia de fúria

    Você já assistiu ao filme Um dia de fúria estrelado por Michael Douglas, Robert Duval e Bárbara Hershey? Ele conta a história do dia de um homem estressado, dominado por problemas, desempregado, que vai ao encontro de sua ex-mulher e de sua filha, sem reconhecer que seu casamento acabara há muito tempo. No caminho, ele […]

  • +
    26.05.2017

    Raquel Sheherazade: vilã ou mocinha?

    Nunca uma opinião doeu e incomodou tanta gente como as ditas pela jornalista Raquel Sheherazade, apresentadora do telejornal SBT Brasil. Ela diz o que pensa à população brasileira, que a aplaude e a idolatra. Os temas abordados são fortes, polêmicos e discutidos. Como jornalista de um telejornal de grande repercussão nacional, ela é uma transformadora […]

  • +
    26.05.2017

    Que tipo de analfabeto nós somos?

    O brasileiro é um ser bem humorado, faz piada de tudo, não leva nada a sério, um masoquista por excelência. Apanha e sorri, parece um João teimoso, paga altíssimos impostos e reelege candidatos mal-intencionados. A mídia televisiva e os comícios exibiram candidatos que são verdadeiros humoristas. Após os debates fica na mente a expressão: me […]

  • +
    26.05.2017

    Holocausto barbacenense

    As cenas, os locais e os protagonistas do livro Holocausto Brasileiro, escrito pela jornalista Daniela Arbex, confirmaram o que sempre ouvi sobre os hospícios de Barbacena. O farto material e as histórias macabras são dignas de um longa-metragem de horror, barbárie e suspense dirigido por Steven Spielberg. Difícil é saber quantos Oscar, Globos e Palmas […]

Site desenvolvido por Corisco Design